26 de jan de 2018

MESA REDONDA SOBRE HISTORIETAS URUGUAIAS NO MEMORIAL DA AMÉRICA-LATINA


Há cerca de 200 anos, tropas portuguesas invadiram a Província Oriental do Uruguai para anexá-la ao Reino do Brasil como Província Cisplatina. Oito anos depois, ao mesmo tempo em que o Brasil se tornava independente de Portugal, o Uruguai se tornava independente do Brasil.

200 anos depois, quem invade o Brasil, mais precisamente o Memorial da América Latina, são as Historietas Uruguaias em um debate e duas exposições: 'Bandas Educativas' (projeto em Quadrinhos de Alejandro Rodriguéz Juele e Nicolás Peruzzo conta episódios da Guerra da Independência) e 'Diego Jourdan', quadrinhista, cartunista e nosso convidado especial.

Diego faz ilustrações pro mercado dos EUA (Simon & Schuster, IDW Publishing, Nickelodeon, Mirage Studios, Titan Magazines, Worthwhile Books, MAD, Teenage Mutant Ninja Turtles, G.I. Joe, Transformers. Astro Boy, Digger & Friends, Ghostbusters, Smurfs e personagens Disney/Pixar. Fez sketch cards para Topps (Star Wars e Marte Ataca), Ivan o Terrível (Beano, 2010) e Snooty & Scamp (Wendy, 2011). Está envolvido em projetos da editora DC Thomson e Lego City brand. Publicou na Índia (revista Tinkle), Reino Unido, Itália e Brasil. Ele participou da revista da AQC Picles “Fim do Mundo” (2012).

É arte-finalista das tiras de Bob Weber Jr (Slylock Fox & Comics For Kids), e está restaurando a HQ vintage “Last Kiss”. Também publicou coletâneas de Historietas Uruguaias de Carlos María Federici (Detective Intergaláctico) e Geoffrey Fola (El hombre que fue una biblioteca), lançadas no Festival Montevideo Comics.

A mesa redonda, mediada por Bira Dantas, completará esta reaproximação de Brasil e Uruguai. Diego Jourdan vai falar de sua carreira -lançando Sketchbook pela editora Criativo - e a pesquisadora e professora Ana Paula Rodrigues de Ferro,  falará da “Renovação das HQs uruguaias em Blogs: uma análise da produção contemporânea”, tema de sua dissertação na USCS em 2016, quando era aluna do Prof. Dr. Roberto Elísio dos Santos.

Esperamos que os laços entre Brasil e Uruguai se apertem mais ainda.